• Postado por Tiago

Salvação

Com a esperança de que estes “dirigentezinhos” que estão à frente do Clube Náutico Marcílio Dias se mandem ou sejam mandados embora, especulações já estão surgindo para o comando de um novo Marinheiro. Para o conselho deliberativo o nome mais forte veiculado é do advogado Denísio Dolásio Baixo. Já para a presidência – não sei se ele aceita – o nome de Abelardo Lunardelli é o mais falado, pois ele é dos poucos que se salvaram no desastre que envolveu esta administração. O importante de tudo isto é que, apesar de tudo, ainda tem gente de prestígio pensando em dirigir o clube. Ah, e tem mais. Outro que poderia fazer parte desta nova diretoria seria o Pirão. Aí sim o nosso Marinheiro, depois de muito tempo, vai ter gente competente no comando.

Demissões

Um quero-quero me contou que na última quinta-feira a “diretoriazinha” do Clube Náutico Marcílio Dias demitiu quase todos os integrantes do departamento administrativo do clube. Como sempre, ficou para responder por tudo o Jonas, coisa que sempre fez com muita capacidade. A pergunta que fica é a seguinte: Quando é que vão passar o rodo e mandar estes “dirigentezinhos” incompetentes embora? Só espero que não paguem os demitidos com notas promissórias ou cheques que depois cancelam.

Rolo do Egon

Fiquei sabendo que o superintendente da fundação de esportes de Balneário Camboriú, Sandro Bernardoni, ficou indignado com as declarações do presidente do Navegantes, Egon da Rosa, culpando a fundação pela não realização do jogo Navegantes e Camboriú no estádio das Nações, dizendo inclusive que houve sacanagem por parte da fundação. Conversei com o Sandro Bernardoni e a coisa não é bem assim. Ele falou que a fundação já tinha comunicado a federação na terça-feira, via telefone, de que o campo não teria condições pra realização da partida, pois estava impraticável em virtude da realização das competições Santa Catarina Cup e BR Cup. A federação teria solicitado isto por escrito, o que foi feito na quinta-feira. Ainda conforme o superintendente, Egon teria dito a ele que iria ao estádio, colocaria o time em campo e não haveria jogo, pois já tinha “acertado” com o árbitro que ele não daria condições para a realização da partida. Que vergonha!. A Federação Catarinense de Futebol tem que tomar conhecimento disto tudo e chamar o Egon da Rosa e o árbitro para darem explicações. É necessário dar um basta nestas lambanças que só denigrem a imagem do campeonato. Conhecendo o presidente Delfim Pádua Peixoto Filho, tenho certeza de que cabeças irão rolar.

Tudo igual

O Marcílio Dias terminou como começou, com derrota para o fraco time do Caxias. Mais uma vez repetimos a proeza de ser o último colocado da série C do Brasileiro. Isto já havia acontecido em 2006, quando fomos o último entre 63 participantes. Agora, com 20 clubes, também fomos o pior. E sabem quem era o presidente naquela época? Isto mesmo, o Carlos Crispim, que agora repetiu o feito.

Convite

Destaco o convite que recebi da Fundação Municipal de Esporte e Lazer de Itajaí para o lançamento do Projeto Sesi Atleta do Futuro/Segundo Tempo, que acontecerá hoje, às 20h, no Sandri Palace Hotel. Alem da participação do Sesi, teremos também a importante contribuição da Perdigão, que vai doar ao projeto a importância de R$ 150 mil em material esportivo. Quando tem que se criticar, se critica, mas quando tem que se elogiar, se elogia. Parabéns à fundação por esta grande conquista. Estaremos lá!

É hoje!

Convoco o torcedor marcilista para que compareça hoje à noite ao estádio Hercílio Luz, para protestar, de forma pacífica e ordeira, contra a atual diretoria. É que vai ser votado o tal balancete furado, que os “dirigentezinhos” querem aprovar na marra. Espero que o bom senso da maioria dos conselheiros não deixe mais esta barbaridade acontecer com o nosso Marinheiro. Sendo assim, todos lá e de olho neles, mas sem violência.

  •  

Deixe uma Resposta