• Postado por Tiago

Bagunça

Assim como o Navegantes está bagunçando a divisão especial do catarinense, na divisão de acesso a coisa não é diferente. O Capivariense era para ter jogado no fim de semana contra a Portuguesa de Navegantes, mas a partida não aconteceu porque o time do sul do estado não pôde entrar em campo por não ter pago uma multa aplicada pelo Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Catarinense de Futebol. Presidente Delfim Pádua Peixoto Filho, tome logo providências antes que estes dirigentes incompetentes acabem com as competições.

Sugestão

O comentarista esportivo Adão Goulart, da rádio Clube Bandeirantes, deu uma sugestão pra acabar com as aprontadas que o time do Egon da Rosa vem realizando dentro do campeonato da divisão especial. Pediu que alguém de Navegantes, talvez da câmara de vereadores, tome uma providência, chamar o Egon, quem sabe até solicitando que mude o nome do time, pois o Navegantes afunda e com ele vai o nome da cidade.

Que coisa

Assisti domingo o jogo entre Navegantes e Joaçaba, pela divisão especial, e o que vi foi de arrepiar. Jogaram num campo sem as mínimas condições, colocando em risco a integridade física dos atletas. A equipe do Joaçaba viajou no dia do jogo, saindo do meio-oeste às 4h30 e chegando em Balneário Camboriú momentos antes do início da partida. E pasmem, vieram somente 11 jogadores, o técnico e o massagista. Toda viagem foi feita dentro de um micro-ônibus. É de matar! Ah, e o Navegantes novamente não pagou a taxa de arbitragem.

Brasileiro

O Avaí voltou a surpreender e empatou com o Santos, na Vila Belmiro, depois de estar perdendo por 2 a 0. Por pouco não venceu. Já o Figueirense foi a grande decepção do fim de semana e acabou derrotado em casa, pelo América/RN, perdendo a grande oportunidade de retornar ao G4. Já na série D, Chapecoense e Brusque fizeram bonito, com a Chapecoense vencendo o Ipiranga por 4 a 3 e assegurando o primeiro lugar do seu grupo. O Brusque foi a Porto Alegre e derrotou o São José por 4 a 2, mas não conseguiu a classificação. O Avaí volta a campo no sábado, diante do Náutico, na Ressacada, enquanto o Figueirense joga hoje contra o Bragantino, em Bragança Paulista.

Seleção

Depois de André Santos, mais um ex-jogador do Figueirense chega à seleção brasileira. Filipe, lateral-esquerdo atualmente no La Coruña da Espanha, foi chamado por Dunga para o amistoso diante da Estônia.

Que coisa

Esquentou o tempo entre o radialista Rubens Menon, da rádio Clube Bandeirantes, e o diretor de futebol do Clube Náutico Marcílio Dias, Clóvis Forlin, na festa dos amigos do Itamirim Clube de Campo, no último sábado. Não fosse a turma do “deixa disso”, poderiam chegar às vias de fato. Não ouvi o outro lado, mas segundo o radialista a provocação partiu do diretor de futebol do Marinheiro.

No aguardo

É assim que estão os conselheiros do Marcílio Dias, para que o presidente do conselho, Aldo Correa comunique ao presidente Carlos Crispim do seu afastamento da presidência do clube, dando posse ao vice Maury Werner. O movimento é encabeçado pelo conselheiro Roberto Venâncio. Os conselheiros vão aguardar até hoje, prazo máximo estabelecido pelo estatuto do clube. Caso o presidente do conselho não se manifeste, eles entrarão na justiça e promotoria pública para que se cumpra o estatuto.

Portuguesa

A Lusinha, que ganhou o primeiro jogo na moleza porque o adversário foi suspenso pelo TDJ da FCF, faz sua estreia diante da torcida amanhã, às 20h, no estádio do Estiva, contra o Santa Catarina.

R$ 100 mil

Pergunta que não quer calar. Quando é que os vereadores que aprovaram o repasse de R$ 100 mil para o Clube Náutico Marcílio Dias vão solicitar a prestação de contas do dinheiro?

  •  

Deixe uma Resposta